Pug: Características, personalidade, cuidados, alimentação, cores, onde comprar, preço e mais!

O pug é uma das raças de cães mais antigas. Registros dos anos 400 a.C. já faziam referência aos cães de “boca curta”, prováveis precursores da raça. Os primeiros Pugs foram importados para a Europa por mercadores Holandeses no final do século XVI. Eles nomearam a raça de Mopshond, como é conhecida até hoje.

O nome “pug” foi denominado em 1688 por William III e Mary II, na Grã-Bretanha. E essa denominação vem do inglês “pug noise” (nariz achatado) em função da sua característica principal: face mascarada de preto, achatada e os olhos globulares.

Os Pugs aparecem na pintura de William Hogarth, House of Cards, 1730 e em outras obras do pintor.

A raça se popularizou na Europa e suas denominações variavam de acordo com os países. Na França eles eram chamados de Carlin, na Espanha de Dogullo, conhecidos na Holanda e Alemanha como Mops e na Itália como Caganlino.

Nesse artigo você vai saber mais informações sobre a raça, suas principais características, cuidados, alimentação, curiosidades, vantagens em ter um e mais.. Confira!

Características da raça

características do pug

Pugs estão classificados como cães de companhia, ou cães do grupo “toys”. Podem ser encontrados nas cores preto ou alguma variação de dourado (fawn, abricot). Sua estatura média é de 25 a 28 cm e seu peso varia entre 6,3 a 8,1 kg. São bem pesados em relação ao seu tamanho.

Sua principal característica é a cabeça larga, redonda, focinho achatado, a máscara preta na face, os grandes olhos globulares e brilhantes e o rabinho enrolado.

Comumente comparado com as raças Buldogue Francês, Mastiff e Boxer, mas seu parente mais próximo é o, também chinês, pequinês.

A expressão em latim “multum em parvo” traduz a melhor característica dos pugs. Serem compactos e de musculatura firme, como se fossem um cão grande que ocupa um espaço pequeno.

Eles não praticam muitos exercícios, pois sua capacidade de respiração é limitada em detrimento do focinho achatado. Alguns pulos são o suficiente para extravasar as energias. Por isso são uma ótima escolha para quem mora em apartamentos ou ambientes pequenos.

Personalidade  e temperamento do pug

temperamento e personalidade dos pugs

O Pug é uma raça sensível, dócil, inteligente e sociável.  É considerado uma das raças mais dóceis de cachorro. Eles adoram dormir com seus donos. São muito atenciosos e fáceis de adestrar, mas é preciso reforçar as regras desde cedo.

A personalidade do pug é de um cão fiel, eles são extremamente calmos, brincalhões, e alegres, apesar de serem bem preguiçosos e não gostarem tanto de exercícios físicos. Preferem ficar relaxando e recebendo carinho do seus donos.

É muito comum vê-lo sempre atrás do dono, mesmo quando não é chamado. Por conta disso, não é um cachorro que pode passar longas horas sozinho, até porque se isso ocorrer, ele pode apresentar a chamada ansiedade de separação, ou seja, quando o cachorro fica ansioso ao ser separado dos donos.

Como eles amam agradar seus donos, são considerados cãozinhos beijoqueiros, tendo o costume de lamber seus tutores, seus brinquedos, objetos  e outros animais.

Essa fofura de cachorro tende a ser muito receptivo, recebendo até mesmo estranhos com muito entusiasmo.

Saúde e expectativa de vida

pug

O Pug faz um grunhido muito particular quando respira. Tende a roncar durante o sono de maneira muito ruidosa. Além de emitir outros sons muito característicos. O seu latido pode surpreender: é extremamente grave e faz com que muitos pensem se tratar de um cão maior. É uma raça de cachorros branquicefálicos (com focinho achatado), por conta disso, problemas respiratórios podem se desenvolver, como rinite alérgica.

As ruguinhas presentes no rosto desse bichinho podem acarretar dermatites, problema muito comum dessa raça. Portanto, a limpeza diária das rugas faciais é importante.

Seus olhinhos saltados e mais expostos, podem provocar o chamado “olho seco”.  Atente-se a isso!

O Pug tem baixa resistência ao calor e é sensível a anestesia. Problemas na córnea e obesidade são comuns entre a raça. A obesidade por exemplo, pode sobrecarregar a coluna, articulações e ossos.

Sua expectativa de vida varia entre 12 e 15 anos.


Dica: Saiba sobre os cuidados e características da raça lulu da pomerânia!


Alimentação do pug

alimentação do pug

Esse cãozinho deve ser alimentado apenas com ração de boa qualidade, preferivelmente, específica para a raça. É preciso prestar atenção na quantidade de ração dada, pois o pug tem tendência à
obesidade.

Para pugs adultos o recomendado é oferecer 2 porções ao dia.

E não esqueça, evite doces, alimentos gordurosos, e condimentos.

Como são os pelos do pug?

Eles têm os pelos curtos e bem finos, apesar disso, soltam bastante pelos. Entretanto não necessitam de muitos cuidados com a pelagem, uma escovação por semana é o suficiente para manter o brilho dos pelos.

Geralmente a troca de pelo desse cãozinho ocorre duas vezes ao ano.

Cuidados essenciais

cuidados essenciais com pugO lugar ideal para um pug é dentro de casa, pois é um animal que sofre um pouco com as mudanças bruscas de temperatura. Exercícios físicos devem ser moderados, o recomendado é realizar pequenas caminhadas em horários mais frescos.

Cuidados com a sua pelagem são essenciais, seus pelos necessitam ser escovados com mais frequência, algo incomum para cachorros com os pelos iguais ao dele. Os banhos não precisam ser dados com tanta constância, e suas unhas devem estar sempre aparadas, já que são bem fortes e crescem rápido.

Sobre seus olhinhos, é essencial limpá-los com soro fisiológico, e secar logo em seguida para evitar que escorra para suas dobrinhas (que devem estar sempre limpas e secas para evitar dermatites). Fique atento se o seu pug coçar muito essa região, sabemos que problemas oculares são comuns.

É importante ressaltar que o pug é uma raça de cachorro que precisa de mais acompanhamento veterinário do que as outras.


Está procurando mais raças de cachorros pequenos? Clique aqui e veja um artigo completo sobre o assunto!


A raça com crianças, animais e estranhos

pug e crianças

Já mencionamos nesse texto o tanto que essa raça é dócil. Os pugs realmente são felizes, alegres, inteligentes e brincalhões e por isso eles se dão muito bem com outros animais, crianças e idosos. Por conta disso também, ele se adapta rapidamente a estranhos.

Mas cuidado, crianças muito pequenas tendem a puxar muito o cãozinho, e sabemos que o rabo e olhos dessa raça são sensíveis.


Dica: Leia também ideias e sugestões incríveis para nomes de cachorro!


Esse cachorro late muito? É agitado?

Os pugs não são cachorros que latem muito. Geralmente seus latidos são característicos, parece um ronco. Não são considerados uma raça agitada. Quando filhotes têm bastante disposição, mas quando se tornam adultos, tendem a ficar mais tranquilos, e preferem o colinho do seus donos.

Filhotes de pug

filhote de pub na cor preta

A primeira semana de vida de um filhote de pug se resume basicamente em comer e dormir. Na segunda semana eles começam a abrir os olhos e escutar.

Seus dentinhos começam a nascer entre a terceira e a sétima semana. Com nove semanas ele pode ter uma família, onde deverá ser alimentado com ração de filhote até completar um aninho de idade.

Vantagens e desvantagens em ter um

Ainda está em dúvida se deve ou não ter esse cãozinho em casa? Calma..Vamos te ajudar! Confira abaixo uma lista completa das vantagens e desvantagens de ter um pug.

Desvantagens

  • Não se dão bem com temperaturas altas
  • Seus olhos são bastante sensíveis
  • Se você for comprá-lo pode pagar caro
  • Tem pouca resistência física
  • São preguiçosos
  • Sua pele precisa de cuidados especiais
  • Roncam bastante
  • Soltam muito pelo
  • Engordam facilmente
  • A manutenção dessa raça é cara e difícil

vantagens e desvantagens de ter um pug

Vantagens

  • São carinhosos
  • Inteligentes e brincalhões
  • São super sociáveis
  • Gastam pouco em petshops
  • Latem pouco
  • Precisam de poucos exercícios
  • Gostam de crianças e idosos
  • São limpinhos
  • Adoram um colo
  • São pequenos
  • São inteligentes

Onde comprar? Quanto custa um pug?

Quer comprar o seu pug? Bom, você pode adquiri-lo m petshops, ou com pessoas que possuem pugs para vender. O preço do filhote varia de R$1200 a R$7000.

Mas antes de decidir comprar um cãozinho, lembre-se que existem muitos cachorros abandonados que estão esperando para serem adotados. Assim você pode ajudar um bichinho, receber muito amor e não pagar nada por isso.

E ai conhece alguém que quer ter um pug? Compartilhe esse texto com ele!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

2 thoughts on “Pug: Características, personalidade, cuidados, alimentação, cores, onde comprar, preço e mais!

  • Tenho uma Pug de 16 anos, mudei há 1ani p o litoral de São Paulo e ela está apresentando uma queda de pelos no pescoço e coca muito. Levei ao veterinário que não seu importância. Mas ela sofre com isso e me preocupa. O local não nasce mais pelos.

    Reply
  • Quanto aproximada mente e um pug

    Reply

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *