Gato com febre

Gato com febre: É normal? Quais são as causas? Pode dar Dipirona?

Os pets também passam mal, também tem dor de cabeça, dor no corpo e outros sintomas que são comuns aos humanos. Gato com febre não é só possível, como é uma situação bem recorrente em animais que estejam com alguma enfermidade, inflamação ou infecção.

Nos tópicos a seguir você vai saber o que pode ser a causa do seu gato com febre, os outros sintomas que aparecem juntos a esse e as formas de tratamento mais eficientes para curar o seu bichinho. Veja!

Gato com febre: O que pode ser?

A febre não é uma doença, mas sim um sintoma que pode ocorrer por diversas causas. Uma inflamação, uma infecção, ou outra enfermidade podem ter como sintoma a febre. Então, fica difícil definir o motivo da febre só pelo fato do seu gato estar com febre.

É preciso realizar uma série de exames, observar mudança de hábitos, enfim, pesquisar para chegar ao diagnóstico certo e fazer o tratamento ideal para o seu gato curar não apenas da febre, mas de toda a doença que tem causado esse aumento da temperatura corporal do bichinho.

Além disso, a temperatura dele também pode ficar alta por outros motivos que não perigosos para a saúde do gato. Ele pode ter febre por conta da alta temperatura do ambiente mesmo, por causa de uma atividade física intensa ou, no caso das fêmeas, na época da menstruação.

Por isso, antes de começar a medicar o seu gato ou se preocupar, vá até o veterinário que ele vai fazer os exames necessários. Assim, vai descobrir se o seu gato está com alguma doença ou é apenas um sintoma de outra situação que está ocorrendo com ele no momento.

Gato com febre medir

Quais são as causas?

As principais causas da febre nos gatos são as inflamações e infecções. Porém, outras enfermidades também podem trazer esse quadro clínico. É o caso de uma gripe, um resfriado, ingestão de algo que fez mal para ele, a alta temperatura do ambiente, atividade física esgotante, período menstrual, entre outros.

Há também, obviamente, situações mais graves que podem ter como sintoma a febre. É o caso de tumores, lúpus, pancreatite, cinomose, leucemia e outras. Porém, não se assuste! Pode não ser nada, doença alguma. O ideal é sempre levar ao veterinário, fazer os exames e descobrir o motivo certo da febre no gato.

E sintomas do gato com febre?

A febre já é um sintoma e cada uma das possibilidades da febre existir possui outros sintomas. Por exemplo, em uma inflamação ou infecção, o gato tende a ficar mais quieto que de costume, comer mesmo, ter insônia ou sono demais, entre outros hábitos diferentes.

No caso de doenças mais graves, o gato também costuma ficar mais distante do dono, é um instinto natural dos bichinhos quando sentem que estão passando muito mal.

Já no caso da menstruação, a própria menstruação já é um sintoma. Se for a temperatura alta, ele vai estar com sede, ofegante, cansado e o mesmo vale para as atividades físicas desgastantes e intensas.

termômetro

O que posso dar?

Nada. Não medique o seu gato por conta própria. Se você medir a temperatura do gato e perceber que ele está com febre, leve-o imediatamente ao veterinário dele para fazer os primeiros exames e passar algum medicamento para melhorar os sintomas, enquanto não se descobre a causa da febre e dos demais sintomas.

Caso você não saiba como medir a temperatura do seu gato, é preciso usar um termômetro, de preferência digital e próprio para usar em animais. Esse termômetro precisa ser penetrado, a parte de metal, no ânus do bichinho. Muita gente tem dó, mas é a única forma de saber a real temperatura corporal dele.

Diferente dos humanos, a temperatura normal de um gato ou de um cão é maior. Varia de 38 a 39 graus. Se tiver acima disso ou abaixo disso, é bom procurar um veterinário para ele descobrir o motivo dessa variação.

Se gato com febre pode dar Dipirona?

Qualquer remédio que você for dar para o seu pet precisa ser receitado pelo médico. Não medique o seu bichinho por conta própria, porque pode piorar a situação da saúde dele.

O Dipirona e outros remédios de combate a febre em humanos podem ser usados em animais, mas tudo depende do diagnóstico dado pelo veterinário.

Se tiver ainda alguma dúvida sobre como tratar um gato com febre, deixe o seu comentário aqui embaixo!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *