Cachorro comendo cocô

Cachorro comendo cocô: Como fazer ele parar? Saiba todas as causas e soluções.

Infelizmente não são raros os casos de cachorro comendo cocô ou também outros pets. Vários fatores podem contribuir para esse costume e alguns podem ser até doenças. A denominação correta para a atitude de cachorro comendo cocô se chama Cropofagia. O artigo de hoje trará conhecimentos e dicas dadas por veterinários para solucionar o caso. Veja a seguir.

Cropofagia: Cachorro comendo cocô. Por que isso acontece?

Primeiramente você deve saber que a cropofagia é comum no caso de uma cadela que acabou de parir. Elas costumam ingerir as fezes de seus filhotes para manter o ambiente limpo imediatamente para eles. É a maneira mais comum de ver esse caso, mas existem inúmeras outras.

Outra forma mais comum de vermos cachorros comendo cocô é quando ainda são filhotes. Ela pode ser pelo fato de uma superalimentação dada ao cachorro, muita quantidade de comida. Ele ingere rápido fazendo uma má digestão. Assim restarão restos de comida nas fezes e por esse motivo ele comerá o cocô.

Há outros fatores ligados à saúde que podem fazer com que seu cão comece a cropofagia como fatores enzimáticos, pancreatite crônica e enzimas pancreáticas.

Principais motivos para seu cachorro estar com coprofagia

Conheça agora as principais causas deste problema:

Superalimentação

É quando você dá comida demais para seu cachorro e a má digestão faz com que reste ração nas fezes. Isso o que o encorajará a comer de novo.

Fome

Se o seu animal é alimentado apenas uma vez por dia, isso faz com ele passe muitas horas com fome. As próprias fezes serão o único “alimento” disponível.

Cadela que acabou de parir

É um comportamento comum das cadelas pariram. Elas comem as fezes dos filhotes para deixar o ambiente limpo.

Deficiência nutricional

Se o organismo dele está com baixas taxas de certos compostos nutricionais e ele sinta muita necessidade de ingeri-los, ele pode procurar nas fezes uma solução.

Estresse e ansiedade

Se o seu cachorrinho passa muitas horas dentro de casa sem passear, num lugar pequeno e sem ter como gastar a própria energia, isso poderá acarretar a ele muita ansiedade, nervosismo e estresse. Isso pode levar ao comportamento da cropofagia, dentre outros comportamentos nocivos.

Cachorro comendo cocô

Punição excessiva

Isso acontece geralmente se o cachorro for filhote. Caso você brigar muito com ele e o punir excessivamente pelo fato de ter feito o cocô no local errado, ele vai associar isso a uma coisa ruim ao fazer coco. Então para encobrir o fato de fazer coco no local errado ele passa a ingerir o cocô para que não briguem novamente.

Carência de atenção dos donos

Se o seu cãozinho passa muito tempo sozinho, ocioso e você não tem muito tempo para dar atenção e carinho pra ele, é muito provável que o cachorro fique carente e para chamar atenção do dono ele desenvolva a cropofagia.

Vermes

O cão poderá adquirir vermes que não deixarão seu organismo absorver todos os nutrientes necessários e assim ele poderá procurar esses nutrientes nas fezes.

Deficiência de enzimas

A carência de enzimas pancreáticas e digestivas poderá causar a cropofagia também.

Espaço do animal

Esse é um ponto importante. Sempre fazer o “cantinho do cocô e do xixi” longe do local onde o cachorro come e toma água e longe também de onde ele dorme. Os cachorros gostam de comer e dormir em ambientes limpos, se isso ficar perto de onde ele faz cocô ele poderá estar praticando a cropofagia para manter o local onde dorme e come limpos.

É importante dizer que ao observar o seu cachorro comendo cocô, você leve ele logo a uma consulta veterinária. Apenas um profissional poderá diagnosticar e fazer exames para descobrir o real motivo de o seu cão estar com cropofagia.

Como fazer ele parar?

Ao visitar um veterinário que irá descobrir a real causa da cropofagia do seu cãozinho ele irá também lhe dar conselhos sobre cada caso. E para alguns deles temos dicas preciosas.

  • Se o seu cãozinho está com cropofagia por motivos comportamentais e não de saúde, o melhor método é o do “NÃO”. Não precisa brigar, apenas fale “não” em tom alto e firme ou “não pode”. Jamais use o nome do seu cachorro nesse momento. Repreenda e tire ele do local. Limpe o cocô sem ele estar por perto, porque ele pode confundir e achar que o brigueiro é porque o cocô estava lá e você limpou, então ele vai voltar a comer para deixar o local “limpo”.
  • Deixe o local onde é do xixi e do cocô bem longe de onde o cão come e dorme.
  • Mantenha o ambiente sempre limpo, sem que as fezes se acumulem.
  • Se o cão for filhote, evite brigar demais pelo fato de ele fazer cocô no lugar errado.
  • Dê uma alimentação balanceada ao seu cão.

Esperamos que o artigo de hoje tenha lhe auxiliado com esse problema.

Até a próxima!

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *