doenças comuns em porcos

Doenças comuns em porcos: Veja as principais e como evita-las!

A suinocultura é um ramo muito popular, uma vez que esse setor  é o responsável por fornecer suínos para a produção de alimentos e derivados, e devido a sua importância é preciso que os suinocultores fiquem atentos a saúde dos porcos e se você ainda é novo nesse ramo e quer conhecer mais sobre as doenças mais comuns em porcos, nesse artigo mostramos a você.

Pneumonia

A pneumonia enzoótica é causada por uma bactéria e é altamente contagiosa, mas não causa muitas mortes entre o rebanho, que consegue conviver com ela, recebendo o tratamento adequado. Esse tipo de pneumonia é comum quando os porcos ficam em locais inadequados, e com higiene precária. O melhor a se fazer é vacinar o rebanho contra essa doença, uma vez que ela causa baixa na imunidade dos suínos, o que dá brechas para que outras doenças aconteçam nos porcos.

Peste Suína

A peste suína é uma doença contagiosa e que causa muitas mortes no rebanho, é causado por um vírus que deixa os animais com febre alta, diarreia durante muitos dias, vômitos, andar desregulado, machas azuis nas pele, entre outros sintomas. Para evitar a peste suína é necessário que o rebanho seja vacinado contra esse vírus.

Febre Aftosa

A febre aftosa pode acontecer nos porcos, porém não causa tantos danos, mas é necessário ficar atento, pois ela pode ser transmitida para bovinos, e assim causar prejuízos inclusive para os humanos que consumirem a carne de uma animal infectado. Por isso, se seu rebanho suíno possui febre aftosa, é preciso tomar cuidados para não transmitir. Os sintomas da febre aftosa são lesões na vesícula e na cavidade bucal dos suínos.

Rinite Atrófica

Essa doença é comum nos suínos, mas também possui uma alta taxa de transmissão no rebanho, uma vez que os porcos saudáveis tem contato direto com os os porcos contaminados.

Os porcos com rinite atrófica apresentam espirros, manchas escuras ao redor dos olhos, retardo no desenvolvimento, corrimentos nasais e atrofia nasais. Para evitar a rinite atrófica é necessário vacinar o rebanho e evitar que as baias fiquem muito cheias, e garantir que elas possuam higiene adequada.

Dicas para evitar doenças em porcos

Se você é um suinocultor é preciso tomar algumas medidas para que seu rebanho não adoeça e assim não prejudique os seus negócios, uma vez que animais doentes não podem ser comercializados na industria de alimentos e derivados. Por isso é preciso tomar algumas medidas como evitar superlotação das baias do suínos, ter a criação de porcos em terras férteis e com fácil escoamento na chuva. Locais como brejos, pântanos, muito úmidos não são recomendados, pois são propícios para produzirem focos de vermes, bactérias e outras enfermidades.

Além disso, animais que vem de outros rebanhos antes de serem introduzidos em um novo rebanho devem passam por um período de quarentena para que seja certificado que ele não possui enfermidades que possam ser transmitidas aos demais animais.

Por fim, a visita de um veterinário periodicamente é necessária para que ele avalie a saúde do rebanho com frequência.

 

1 Star2 Stars3 Stars4 Stars5 Stars (No Ratings Yet)
Loading...

Deixe uma resposta

Your email address will not be published. Required fields are marked *